18 de ago de 2009

Aprovado álcool gel no comércio de alimentos...

A proposta será votada em segundo turno na quarta-feira (19) e depois segue para sanção do prefeito. Caso sancionada por Beto Richa, os estabelecimentos que comercializam e manipulam produtos alimentícios e congêneres deverão instalar o dispositivo, além de avisos com orientações sobre a importância da higienização das mãos para prevenção de doenças.
“Lavar as mãos é a forma isolada mais eficiente de prevenir a transmissão de doenças”, justificou João do Suco, na tribuna da Casa. A lavagem das mãos tem como principal objetivo a remoção da maior quantidade de microorganismos e outros resíduos, diminuindo o risco de infecções.
Em aparte, o vereador Roberto Hinça (PDT) cumprimentou a iniciativa e considerou que após o vírus H1N1, a cultura da higiene dos brasileiros foi mudada. Informou, ainda, que, a partir desta nova cultura de prevenção, já é possível observar a queda dos números de casos da gripe comum, em comparação aos anos anteriores. Os vereadores Julieta Reis (DEM), Mara Lima (PSDB), Noemia Rocha (PMDB), Serginho do Posto (PSDB) e Francisco Garcez (PDSB) destacaram a continuidade dos bons hábitos de higiene, principalmente por meio de projetos de lei. Já o líder do prefeito, vereador Mario Celso Cunha (PSB), lembrou projetos de iniciativa da Casa voltados à prevenção da saúde da população, como a atenção que está sendo dedicada ao Aterro da Caximba e à gripe A. Sugeriu que a população seja a principal fiscalizadora dos estabelecimentos que não cumpram a determinação sobre o álcool gel, caso o projeto se torne lei, denunciando à Vigilância Sanitária.
veja aqui...

0 comentários: